Seja como flor

Palavras perdidas, nem mesmo registradas na parede da mem√≥ria. Palavras escritas em uma noite, indiferente, na qual voc√™ estava alheio √† minha saudade, na calmaria de seu sono. Apenas me lembro que te rascunhei com sentimentos, sem demasiadas edi√ß√Ķes, palavras saudosas de ter quem se ama por perto. O peito ardia e eu me revirava… Continuar lendo Seja como flor

Existir

Acordei, Levantei, Vesti, Arrumei, Comi, Caminhei, Cheguei, Fiz, Desfiz, Refiz, Tentei, Consegui, Sorri, Conversei, Cativei, Voltei, Dormi, Sonhei, Despertei, Percebi: Vivi. E tanta coisa eu j√° fiz. Eu cresci, aprendi, sofri, chorei, me fingi de forte, sorri e lavantei. Fiz amizades incr√≠veis, conversei muito. Tamb√©m briguei, xinguei e me arrependi. Pensei que deveria ter feito… Continuar lendo Existir

Palavras para o meu dicion√°rio

Eu prometi para mim mesma que dessa vez n√£o escreveria sobre sentimentos. Escreveria sobre outra coisa qualquer, mas ainda n√£o tinha uma id√©ia. Vasculhei em minha mente alguma palavra aleat√≥ria da qual eu pudesse fazer um escrito bacana. Tarefa dif√≠cil. Pensei, pensei, pensei e nada me veio √† mente. E repetia para mim mesma: eu… Continuar lendo Palavras para o meu dicion√°rio

Reflex√Ķes sobre sucos e tortas

Sabe aquela espuma que fica em cima do suco de laranja? Lembrei de voc√™ vendo isso. Voc√™ diria que √© impressionante e legal, mas, no fundo, ficaria curioso para saber se usei a√ß√ļcar ou ado√ßante. Sempre foi assim… Sempre foi muito mais do que parecia e, no final, era muito mais superficial do que profundo.… Continuar lendo Reflex√Ķes sobre sucos e tortas

Ela

Isabela

Sente-se s√≥, e por isso pensa em muitas coisas. Gosta de ler, sendo seus temas preferidos aventura e a√ß√£o, com um leve toque rom√Ęntico, afinal ningu√©m √© de pedra. Escrever √© o que mais gosta de fazer. Ama crian√ßas e conversar com amigos. Odeia que fa√ßam dramas.¬† Tem amigos legais e amigos leais. Gosta mais… Continuar lendo Ela