Plinio Motta

Jura Macabra

Autoria: Pl√≠nio Motta Publicado na Folha Nova, n¬ļ 1.088, em 2 de Maio de 1937 Quando eu morrer, ouvi-me o que vos digo: Hei de vir visitar-vos como amigo. √Ä meia-noite em ponto, a essa hora morta, De vosso quarto baterei √† porta; Darei, lembrai-vos bem, quatro pancadas, Vagarosas, soturnas, prolongadas. Vosso aposento, misteriosamente, Clareia-se …

Jura Macabra Leia mais »