Quem somos

Folha Nova pretende ser uma página informativa sobre Carmo de Minas. A ideia de reeditarmos esse informativo surgiu com o desenvolvimento do arquivo digital do antigo jornal “A Folha Nova“, publicado em Carmo de Minas durante 60 anos, de Janeiro de 1914 a Dezembro de 1973, sob a direção dos jornalistas Américo e Fernando Pena.

A releitura desse jornal despertou em muitos o anseio de acompanhar assuntos e notícias do âmbito local de Carmo de Minas. Hoje, com as facilidades oferecidas pelos blogs, tentaremos realizar esse intento, mesmo que em mínima escala.

A Folha Nova é de autoria colaborativa, aberta a qualquer interessado, sendo que os textos publicados deverão obedecer ao respeito e urbanidade tradicionalmente observados em nossa comunidade.

As publicações podem ser em texto, imagem e som, isoladamente ou em qualquer arranjo. Há restrição apenas para publicação de vídeo, devido a limitações quanto ao tamanho de arquivos que podem ser carregados para publicação.

6 comentários em “Quem somos”

  1. Lucas Grassi

    Boa tarde, prezados!

    Primeiramente, gostaria de parabenizá-los pelo excelente trabalho. O site é muito rico e bem informativo.
    No entanto, gostaria de pedir a gentileza de saber como faço para procurar informações (caso vocês possam me ajudar) sobre um certo morador que residiu em Carmo de Minas por volta de 1830. Ele era meu tataravô e a descoberta de suas origens me ajudariam e muito na construção de minha árvore Genealógica. Seu nome é: Joaquim José dos Santos. Ele viveu em Carmo de Minas, no entanto, se mudou para divisa de Caxambu e Soledade.

    Certo de suas atenções, agradeço e aguardo retorno.

    Abraços,

    Lucas Grassi.

    1. Gilberto Arantes Junqueira

      Lucas,
      Infelizmente não temos a capacidade de detalhamento de informação que você nos solicita. A nosso ver, o meio mais confiável de verificar a residência de seu antepassado é consultar os Mapas de População do Arquivo Público Mineiro.
      Desejamos sucesso em sua pesquisa.

  2. Assento de Nascimento do Padre Cardoso
    por Gilberto Arantes Junqueira

    Na sequência do modesto contributo de que tive o privilégio de dar para o artigo do sr. Gilberto Arantes Junqueira, acerca do notável açoriano Padre Cardoso, nativo da freguesia e paróquia de S. Bartolomeu dos Regatos, município de Angra do Heroísmo, ilha Terceira, Açores (Portugal), gostaria de acrescentar um link para uma foto do Império do Divino Espírito Santo de S. Bartolomeu (terra que foi berço do insige sacerdote), tido como um dos mais belos impérios do Divino dos Açores: http://www.google.pt/imgres?imgurl=http%3A%2F%2F3.bp.blogspot.com%2F-14jvAfTDuxw%2FUbMiEG5Wq9I%2FAAAAAAAACWc%2F_DIsigCrh9Y%2Fs1600%2Fimperio%252Bs.bartlomeu.jpg&imgrefurl=http%3A%2F%2Fwww.ganadariajosealbinofernandes.com%2F2013%2F06%2Fos-toiros-para-sao-bartolomeu.html&h=480&w=640&tbnid=6tURDH_W6UVsSM%3A&zoom=1&docid=JFcW_B5SDrQjTM&ei=JXAPVNzzApfiarKtgeAN&tbm=isch&ved=0CCQQMygHMAc&iact=rc&uact=3&dur=1855&page=1&start=0&ndsp=28

    As minhas saudações.

    Marcolino Candeias
    Diretor
    Biblioteca Pública e Arquivo regional de Angra do Heroísmo
    Marcolino.CC.Lopes@azores.gov.pt

  3. Fábio Antakly Noronha

    Venho aqui agradecer imensamente o Sr. Emílio Mário Arantes pelas informações sobre a família Noronha, o que tornou possível que eu soubesse muito mais sobre os meus antepassados Antônio Florêncio Pinto de Noronha e Anna Umbelina de Noronha. Graças à ele, consegui rastrear a família até Portugal.
    Muito obrigado, que Deus lhe pague em dobro.

    1. Gilberto Arantes Junqueira

      Caro Fabio Noronha,
      Creia que, muito mais que ser reconhecido como autor dos Apontamentos Genealógicos da Família Noronha, apraz ao Emílio Mario de Arantes a divina glória de ter um leitor agradecido. Neste mesmo instante ele deve estar sorrindo cheio de orgulho e satisfação. Fazemos nossas suas palavras: Muito obrigado, Emílio Mario de Arantes, por compartilhar conosco as suas mais queridas memórias de família.

  4. Gustavo Avelino Corrêa

    Gostaria de saber aonde consigo localizar um exemplar do livro Apontamentos Genealógicos da Família Noronha – Ramo de Ouro Preto de Emílio Mario Arantes, para consulta?
    Tenho informações que constam neste livro alguns de meus antepassados.
    Att.
    Gustavo

Deixe uma resposta para Marcolino Candeias Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.